WEC

Ambiente Marinho

A avaliação dos impactes ambientais dos dispositivos de energia renovável marinha depende não só da sensibilidade ambiental do local onde o projecto deverá ser instalado, como também das características do mesmo. Quando comparado com o ambiente terrestre, o meio marinho é ainda pouco conhecido, havendo poucos estudos de avaliação dos impactes ambientais das tecnologias de ondas e vento.

Desde a sua criação, o WavEC tem apostado na aquisição de competências a nível da identificação, análise e monitorização dos efeitos ambientais das tecnologias de energia renovável marinha tendo em conta não só as interacções negativas mas também as positivas. Estas interacções incluem os aspectos sócio-económicos nomeadamente os relacionados com o envolvimento da comunidade local no desenvolvimento do projecto.

A equipa de Ambiente Marinho tem estado envolvida em vários projectos de investigação e desenvolvimento dedicados exclusiva ou parcialmente às questões ambientais de projectos e parques de energia das ondas.

 

SERVIÇOS

Monitorização acústica
Para alguns animais marinhos o sistema auditivo é o principal mecanismo de interacção com o meio, sendo utilizado, por exemplo, na comunicação, na busca de presas e na navegação. O ruído resultante de diversas actividades antropogénicas pode afectar a vida marinha de diversas formas e é por isso que este parâmetro é normalmente considerado relevante na avaliação de impactes ambientais de projectos de energias renováveis marinhas.

A equipa de Ambiente tem acumulado experiência na monitorização acústica das condições de referência e recolha de dados de ruído das tecnologias de energia das ondas, através da aquisição de dados via gravação in situ com hidrofones desenvolvidos para o efeito. O processamento e análise dos dados são feitos de forma a estimar níveis de som e zonas de impacto. As gravações de som são realizadas com hidrofones de funcionamento autónomo, os quais permitem gravações contínuas por longos períodos de tempo num intervalo de frequências até 50 kHz, abarcando assim as frequências resultantes de actividades antropogénicas.

No âmbito da execução de programas de monitorização acústica, a equipa liderou o projecto WEAM (Wave Energy Acoustic Monitoring) e esteve envolvido nos projectos SURGE (Waveroller technology development in Peniche), Waveport e WindFloat como responsável pelos programas de monitorização acústica.

Caracterização de habitats marinhos
No verão de 2012 o WavEC adquiriu um ROV observacional que tem capacidade para ser operado em quase todas as condições de mar, podendo recolher imagens até aos 100m de profundidade. O ROV tem duas câmaras a bordo. A funcionalidade do ROV foi ampliada com a montagem de um braço com uma função que permite pequenas intervenções (recolha de amostras, corte de cabos, fixação a estruturas) e uma escala a laser que permite dimensionar os objectos nas imagens recolhidas. Estas ferramentas permitem realizar várias operações no mar nomeadamente:

- Inspecções biológicas para identificação de habitats do fundo marinho e estudos de colonização nas estruturas submersas dos dispositivos de energia renovável marinha bem que envolvam recolha de amostras e aquisição de imagens para avaliação da composição e abundância de espécies.
- Intervenções de pequena escala até 100 m de profundidade.
- Recolha de equipamento submerso.

A equipa tem estado igualmente envolvida na caracterização das populações de mamíferos que ocorrem nas áreas de instalação dos projetos de energia renovável marinha em Portugal através do registo de avistamentos ao longo de transectos efectuados a partir de embarcação.

Desenvolvimento de Sistemas de Informação Geográfica
A equipa de Ambiente Marinho fornece diversos serviços de análise espacial de informação ambiental como por exemplo mapeamento de habitats e o seu cruzamento com dados de parâmetros físicos, químicos e/ou biológicos.

Identificação e investigação de impactes ambientais
A equipa tem prestado serviços a diversas entidades internacionais, por exemplo ao Pacific Northwest National Laboratory nos Estados Unidos, no âmbito do Anexo IV- Ambiente do OES, para o desenvolvimento de bases de dados dos efeitos ambientais das energias renováveis marinhas. Outros serviços têm sido prestados relativos à avaliação do estado da arte da Avaliação de Impactes Ambientais da energia renovável marinha.

PROJECTOS

DEMOWFLOAT (com área de Tecnologia)

KIC 1 (com área de Tecnologia)

TROPOS (com área de Tecnologia)

WAVEPORT (com área de Tecnologia)

Testemunho de Teresa Simas, Coordenadores da Área de Ambiente Marinho (Nov. 2012)

Vídeo

Apresentação powerpoint da área no Seminário WavEC 2012.

Apresentação vídeo