WEC

WEAM - Monitorização acústica da energia das ondas

Caracterização dos dispositivos

O projecto, com início em Novembro de 2007, teve por base o estudo e desenvolvimento de um plano de monitorização acústica submarina, assim como a prevenção e avaliação do impacto que a emissão e ruído submarino de dispositivos conversores de energia das ondas possam provocar, em especial na fauna marinha.

Numa fase inicial espera-se que a geração de ruído de um único dispositivo da energia das ondas seja pequena. Contudo, a presença de um grande número de conversores na mesma área (designada por parque de energia das ondas), que trabalha na sua maioria de forma contínua, poderá ter algum impacte ambiental.

O projecto pretendeu caracterizar três protótipos de energia das ondas ou parques e desenvolver um plano de monitorização acústica. Esperava-se que os resultados servissem para guiar o desenvolvimento de uma tecnologia mais amiga do ambiente e indicar limites para o número e densidade de dispositivos da energia das ondas nos parques.

As áreas do projecto

O projecto foi estruturado em três grandes áreas, desde o desenvolvimento de equipamento de monitorização e a monitorização acústica de, pelo menos, três parques de energia das ondas: Central do Pico, Açores, o Parque Pelamis (de três dispositivos) e um outro protótipo ou parque disponível nos próximos três anos (na área da Zona Piloto), e ainda o desenvolvimento de uma proposta de plano de monitorização acústica para energia das ondas.

Ficha Técnica

Financiamento: Fundação Ciência e Técnologia
Gestor de Projecto: Sofia Patrício
Financiamento total: € 180 000,00
Financiamento para o WavEC: € 78 636,00
Duração: 01 Novembro 2007 - 30 Abril 2011 (36 meses)
Coordenador: Centro de Energia das Ondas
Parceiro: Centro de Investigação Tecnológica do Algarve (CINTAL/UAlg)
Website: http://www.siplab.fct.ualg.pt/proj/weam.shtml