WEC

Central de Ondas do Pico

A Central CAO do Pico foi construída como a Central Piloto Europeia de Energia das Ondas, co-financiada pela CE, com o objectivo de demonstrar a viabilidade técnica da energia das ondas numa pequena ilha, ligada à rede eléctrica. Desde 2004, a central é operada pelo WavEC. É a única infra-estrutura aberta à formação, I&D, inovação e demonstração.

A central é constituída por uma estrutura oca, em betão, formando uma câmara pneumática sobre uma superfície livre interior, que comunica com a atmosfera, através de uma conduta contendo uma turbina de ar acoplada a um gerador eléctrico (3), e com o mar exterior através de uma abertura submersa existente na parede frontal da câmara.

As ondas propagam-se para dentro da câmara através da abertura submersa, fazendo oscilar verticalmente a água no seu interior, e, consequentemente, um fluxo de ar em sentidos alternados através da conduta que liga à atmosfera, acciona a turbina de ar e o gerador eléctrico que lhe está acoplado. A energia eléctrica é fornecida para a rede local da EDA na subestação do Cachorro. Um factor importante no projecto deste tipo de centrais é o dimensionamento da câmara pneumática, para possibilitar ressonância com a agitação incidente.

Website: http://www.pico-owc.net/